DOBRADINHA

“A imaginação trabalha sempre. Ela é uma cozinha que não para nunca. Ali, sob o fogo do desejo as imagens se transformam em comida. Diz o ditado que ‘o melhor da festa é esperar por ela’. Não sei se isso é verdade sempre. Sei, entretanto, que há prazeres que moram no tempo da espera. Num … Continue lendo